Notícias Sul da Bahia

Piloto do avião que caiu na Bahia e resultou em morte de três pessoas perdeu controle do voo, aponta Cenipa

[ad_1]

O piloto do monomotor de matrícula PP-ZJA que caiu no último sábado (2), e resultou na morte de três pessoas, na cidade de Barreiras, no oeste do estado, perdeu o controle da direção do voo, e por causa disso, a aeronave colidiu contra o solo, segundo informações disponíveis no painel do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa).

Ainda segundo o Cenipa, as investigações realizadas pelo órgão “não buscam o estabelecimento de culpa ou responsabilidade, tampouco se dispõem a comprovar qualquer causa provável de um acidente, mas elaboram hipóteses que permitem entender as circunstâncias que podem ter culminado na ocorrência”.

A queda da aereonave provocou a morte dos pilotos Lucas Borba Santana e Matheus Bransford, além do pai do segundo citado, Jackson Bomfim. Informações preliminares apontam que Matheus estava no comando do avião no momento do acidente.

Os corpos deles foram sepultados na segunda-feira (4), nas cidades de Ilhéus e Vitória da Conquista, no sul e sudoeste do estado, respectivamente.

Os corpos de Jackson Bonfim e Matheus Bransford começaram a ser velados na noite de domingo (3), no SAF Ilhéus, e foram sepultados no Cemitério Municipal de Nossa Senhora da Vitória, por volta das 11h30 de segunda (4).

Já Lucas Santana foi velado no mesmo horário, no salão da funerária Paz Vitória, em Vitória da Conquista. O sepultamento aconteceu no Cemitério Parque da Cidade.

Lucas nasceu e morou em Vitória da Conquista até completar o 5° ano do ensino fundamental. Depois se mudou para Salvador. Atualmente morava em Luís Eduardo Magalhães e trabalhava em Barreiras.

“Perdemos um amigo, um irmão, um grande profissional. Lucas morava em Luís Eduardo já tinha uns quatro anos, um piloto experiente, filho maravilhoso, uma pessoa maravilhosa que em um acidente trágico veio a falecer”, disse o primo de Alisson Borba, um dos pilotos que morreu durante o acidente.

Queda do avião

O avião que levava as três vítimas, caiu em uma área de vegetação, de difícil acesso, na região da Associação Barreirense de Aviação (ABA), a 6 km do centro de Barreiras. No local, são feitos reparos de aeronaves, mas ainda não foi confirmado se o avião passava por algum tipo de conserto ou manutenção.

No sábado (2), a aeronave decolou e ficou menos de 30 minutos no ar. A queda ocorreu apenas 1 km de distância do ponto de decolagem.

As três vítimas até fizeram uma foto antes de entrar no avião.

Lucas Borba era morador de Luís Eduardo Magalhães, cidade a cerca de 70 km de Barreiras. Ele se identificava como piloto executivo nas redes sociais e era marido da advogada Sanniely Mota de Souza Santana.

Por causa disso, a Ordem dos Advogados do Brasil Seção Bahia (OAB-BA) lamentou a queda do avião. Fonte: g1

[ad_2]
Source link

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo