Noticias Brasil

Grupos de elite da PF e PRF vão nesta sexta ao RN ajudar nas buscas de fugitivos

[ad_1]

Grupos de elite da Polícia Federal (PF) e da Polícia Rodoviária Federal (PRF) vão nesta sexta-feira (16) ao Rio Grande do Norte para ajudar nas buscas de dois fugitivos da penitenciária federal de Mossoró (RN).

Integram a equipe policiais do Comando de Operações Táticas (COT), que é a unidade de elite, e mais peritos – além dos que já estão no local – pela PF. Já a PRF desloca o Grupo de Resposta Rápida (GRR), especializado em operações especiais.

Os 25 profissionais utilizam um jato da PF para agilizar o deslocamento e se juntarem aos mais de 100 agentes que estão em busca há 50 horas pela região, com 11 helicópteros.

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Lewandowski, informou nesta quinta-feira (15) a possibilidade de os foragidos estarem ainda próximos ao presídio federal, que é longe da região urbana e com muita mata ao redor e longas rodovias.

Uma perícia inicial foi feita pela PF, na manhã de quarta-feira (14), nas celas onde os dois estavam e na cerca que foi cortada, além da possível ferramenta usada na fuga. A expectativa do secretário nacional de Políticas Penais, André Garcia, é que a perícia seja concluída nesta sexta.

Quem são os fugitivos

Os presos foram identificados como Rogério da Silva Mendonça (vulgo Querubim, Chapa ou Cabeça de Martelo ou Martelo); e Deibson Cabral Nascimento (conhecido como Tatu, Deisinho ou Deicinho). A CNN apurou que os dois têm ligação com o Comando Vermelho, uma das maiores facções criminosas do Brasil.

[ad_2]
Source link

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo