Noticias Bahia

Batalhão de Policiamento Turístico garante a segurança dos foliões no Carnaval da Bahia

[ad_1]

Cerca de três milhões de turistas devem visitar a Bahia durante o Carnaval de Salvador. Para proporcionar uma experiência segura e humanizada, o Batalhão de Policiamento Turístico (BPTUR), atua, diuturnamente, nos circuitos da festa, assim como no porto e aeroporto da capital. Entre os atendimentos prestados estão orientações turísticas e de trânsito, acompanhamento e auxílio na segurança. 

Segundo o tenente-coronel Taylon Cavalcante, são mais de 150 profissionais capacitados para auxiliar os foliões: “estamos trabalhando todos os dias no Carnaval, com efetivo na rua empenhado em garantir a segurança e prestar todas as informações necessárias à população. Temos profissionais bilíngues, que falam inglês, francês, alemão e espanhol. Turistas, venham à Bahia, curtam o Carnaval. Salvador é uma cidade segura. Polícia Militar, uma força à serviço do cidadão”. 

Foto: Jefferson Dias

A movimentação turística na cidade segue a todo vapor. Em seu primeiro Carnaval na Bahia, o professor carioca Carlos Henrique Carvalho, de 38 anos, veio acompanhado de amigos ao circuito Batatinha, no Pelourinho, na tarde desta sexta-feira (9).

Para o educador, que afirma estar realizando um sonho, o circuito da festa traz a sensação de segurança. “Com certeza, recomendaria essa festa para outras pessoas. A Bahia é surreal, do jeito que eu imaginei, e essa festa, então, é maravilhosa. Estou ansioso para ver os shows de Jerônimo Santana, Carlinhos Brown, Cortejo Afro e o Gandhy, onde vou desfilar”, disse. 

Foto: Jefferson Dias

Quem também está estreando na folia baiana é o professor Allan Hau, de 33 anos, que contou estar apaixonado pela estrutura e energia ímpar da festa. “Será o primeiro de muitos carnavais nessa terra maravilhosa. O Carnaval está no início, mas já estou apaixonado pela recepção dessa terra”, contou.

Ao lado da família, a professora Fernanda Groth, de 44 anos, veio do Rio Grande do Sul realizar o sonho de sentir a energia do Olodum de perto. Ao chegar no circuito, se surpreendeu com a estrutura do local. “É maravilhoso. A organização, segurança e estrutura do Carnaval da Bahia é única. Eu, que só via a festa pela televisão, estou achando tudo fantástico”, disse a turista, que aproveita a festa no Circuito Batatinha, no Pelourinho, na companhia da filha, a estudante Alyssa Ribeiro, de 17 anos, e o marido, Klaus Mello, 40.

Foto: Jefferson Dias

[ad_2]
Source link

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo